Orlando Senna e Edgard Navarro realizarão filme na Chapada Diamantina

CINE DIAMANTINA: Orlando Senna e Edgard Navarro realizarão filme na Chapada Diamantina Curta-metragem será produzido a partir de oficinas gratuitas ministradas pelos cineastas Orlando Senna e Edgard Navarro aceitaram o desafio do Cine Diamantina – mostra de cinema na Chapada Diamantina. Os dois premiados cineastas vão conduzir duas turmas de alunos na produção de um curta-metragem de ficção, durante duas semanas de intenso aprendizado na Oficina Curto Ficção.

De 22 a 28 de maio, Senna realiza na bela cidade de Mucugê, sua Oficina de Roteiro, baseada na experiência desenvolvida pelas Oficinas Orlando Senna de Dramaturgia Audiovisual, realizadas a partir de 2000, e que já resultaram na realização de 15 obras audiovisuais.

Tendo como cenário o encantado Vale do Capão, Navarro, a partir de um roteiro trabalhado na oficina de Orlando Senna, realiza Oficina de Direção de 29 de maio a 4 de junho. No período, o fotógrafo Paulo Hermida e técnico de som Marcelo Benedictis darão suporte aos alunos da oficina para a gravação do curta-metragem. A finalização do curta será realizada em parceria com a produtora Santo Guerreiro, em Salvador.

A participação nas oficinas é gratuita*, mas as vagas são limitadas e as inscrições estão abertas até o dia 30/04 no site www.cinediamantina.com. Podem se inscrever estudantes do ensino médio, estudantes de cinema e profissionais da cultura. Uma oportunidade única para quem tem uma história a ser desenvolvida e tem vontade de colocar a mão na massa para ver o resultado na tela.

 Os selecionados deverão confirmar disponibilidade de participação das Oficinas. Os custos de transporte, alimentação e hospedagem são por conta do aluno.

CINE DIAMANTINA

Desde 2003, a equipe do Cine Diamantina promove um trabalho de formação de plateia e difusão do cinema nacional na Chapada Diamantina, com o Cine Capão. Em 2017, o evento levará mais de 40 filmes, em uma programação intensa, de 15 de maio a 4 de junho, em Andaraí, Mucugê e no Vale do Capão, com oficinas também de Grafite e Brincança – brincadeiras tradicionais de criança.

O Cine Diamantina é realizado pela Épuras Laboratório Audiovisual. O projeto tem apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda, Fundação Cultural do Estado da Bahia e Secretaria de Cultura da Bahia. O evento conta, ainda, com o apoio cultural da produtora Santo Guerreiro e do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (Irdeb).

 

MINISTRANTES:

Orlando Senna é cineasta, escritor, jornalista, nascido em Afrânio Peixoto, Bahia, em 1940. Diretor e roteirista dos filmes Iracema, Diamante Bruto, Brascuba, Gitirana. Autor de roteiros para TV e cinema, entre eles O Rei da Noite, Coronel Delmiro Gouveia, Abrigo Nuclear, Ópera do Malandro, Oedipus Major. Seus filmes foram premiados nos festivais de Cannes, Taormina, Pésaro, Havana, Brasília, Rio de Janeiro. Pelo caráter inovador de Iracema recebeu o prêmio Georges Sadoul da França e o Grimme da Alemanha.
Autor dos livros Xana, Ares Nunca Antes Navegados, Máquinas Eróticas, Um Gosto de Eternidade, Os Lençóis e os Sonhos. Diretor de trinta espetáculos teatrais na Bahia, São Paulo e Rio de Janeiro, destacando-se Teatro de Cordel.
Foi diretor da Escola Internacional de Cinema e Televisão de San Antonio de los Baños (Escola de Cuba), da qual é um dos fundadores, Secretário Nacional do Audiovisual, diretor geral da TV Brasil, presidente da TAL-Televisión América Latina, diretor de programação do CINEBRASiLTV e conselheiro da Spcine- Empresa de Cinema e Audiovisual de São Paulo.

 

Edgard Navarro começou a fazer cinema na bitola Super8, realizando diversos curtas marcados pelo humor cáustico, iconoclasta, irreverente, premiados em festivais da categoria; Em seguida realizou PORTA DE FOGO, sobre a morte do guerrilheiro Carlos Lamarca no sertão da Bahia – premiado na Bahia e em Brasília/85; LIN E KATAZAN, sobre a relação entre um operário da construção civil e o capataz da obra – premiado em Brasília/86; e SUPEROUTRO, sobre um louco de rua que através de sua imaginação alucinada tenta libertar-se da miséria que o assedia – premiado em Gramado/89. Após o colapso sofrido pelo cinema brasileiro em 1990, o cineasta realizou TALENTO DEMAIS (1995), documentário em vídeo sobre o cinema baiano; e O PAPEL DAS FLORES, curta que propõe uma reflexão sobre o eterno e o efêmero, premiado no Cine Ceará/2000.

Em seguida realizou EU ME LEMBRO, longa memorialístico premiado com 7 Candangos em Brasília/2005; O HOMEM QUE NÃO DORMIA (2011), longa rodado na chapada diamantina que versa sobre o resgate da suposta integridade primordial que nos pertence a todos; e o longa ABAIXO A GRAVIDADE, frágil libelo contra a inelutável força que atrai tudo pra baixo, propondo para tanto mero voo patético, apaixonado.

 

OFICINA CURTO FICÇÃO – CINE DIAMANTINA

INSCRIÇÕES ATÉ 30/04/2017 no site www.cinediamantina.com

Oficina de Roteiro com Orlando Senna

Data: 22 a 28 de maio, das 15h às 19h.

Local: Auditório da Pousada Mucugê.

Oficina de Direção com Edgard Navarro

Data: 29 de maio a 4 de junho, das 14h às 18h.

Local: Sala da Associação de Moradores do Vale do Capão.

Assessoria de Comunicação

alexisgois@umbu.tv

71 98630-8887